Flores de Pedra

Janeiro 2019 - Número de Páginas: 252

LivroLivro
eBookeBook
€15.00
1.Descrição do Livro

Sinopse:

Quando numa tarde abafada aceitou o convite do Governador-geral da Índia para acompanhá- lo a Zanzibar, Shah de Sousa não imaginava o que o futuro lhe reservava. Não sabia que o destino o arrancava de Nova Goa para arrebatá-lo num turbilhão de encontros e desencontros, que nem o mais dotado oráculo poderia pressagiar. Estava longe de imaginar que o percurso iniciado, o faria trilhar um caminho repleto de sentimentos e lugares que se agarravam à pele, tatuando-a de maresia. Flores de Pedra constitui um inusitado retrato da sociedade colonial portuguesa, entre a passagem do fin de siècle e os années folies da década de 1920, que traça um paralelo entre as vivências mundanas da capital do império e a atmosfera plácida das possessões além-mar. É com uma história feita de sombra e luz e que vagueia por entre a arte e a viagem que, de forma singular e diáfana, Maria João Castro inaugura a sua incursão no romance.

2.Biografia do Autor
Maria João Castro

Maria João Castro

Maria João Castro é investigadora académica em História de Arte na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Na sua área de especialização, tem vindo a debruçar-se sobre temas afetos à Cultura Contemporânea e aos Estudos Artísticos, focando-se quer na relação da Arte com o Poder, quer no que concerne à Viagem e aos estudos (Pós) Coloniais. Publicou vários títulos nesse âmbito, nomeadamente: Notas de Viagem (2012), Itinerários Perdidos (2013), Transiberiana (2014), Zanzibar e Arte de um (Re)Encontro (2016). Colabora como cronista de viagens na revista Across, Luxury, Travel & Safaris.